Trofa, a minha terra

por Nuno Martins 0

A convite do João Mendes,  que foi para mim tanto surpreendente quanto honroso,  aqui inicio a minha participação neste blogue de referência de e para o concelho da Trofa. E que melhor altura para começar do que em plena pré-campanha eleitoral para as autárquicas?!  Vou por isso neste meu primeiro texto,  não "deitar abaixo" nem criticar,  vou fazer um elogio à Trofa, aos que a dirigiram nestes primeiros quase 19 anos como concelho.

Apesar de erros cometidos e de ainda haver muito por fazer,  a Trofa está diferente. Está diferente para muito melhor.

Foi-nos tirado o comboio. Como respondemos? Nave espacial mesmo no centro da cidade! :) Temos saneamento básico e agua canalizada por todo o concelho,  uma utopia há 20 anos.  Temos locais de lazer como o Parque das Azenhas,  os renovados Parques de Nossa Senhora das Dores e Dr. Lima Carneiro e a Alameda da Estação,  locais de referência e que devem orgulhar cada um de nós. Temos uma dinâmica de obras públicas (nas estradas por exemplo,  embora isso cause transtornos compreensíveis) que no tempo do outro concelho só se via de 4 em 4 anos (e não era em anos bissextos!). Temos vida na Trofa; ainda me lembro de quando era novo,  mais novo!, há 20 anos, passar na Trofa à noite ou ao domingo e não se ver vivalma. Dizia eu que parecia uma cidade fantasma! Hoje vemos os mais velhos a jogar às cartas, crianças a brincar,  pessoas a passear os animais ou a fazer desporto,  famílias a conviver.

É por tudo isto que, apesar do muito que se ouve e acusa, nesta minha primeira postagem no "E a Trofa é Minha" quero elogiar os nossos autarcas e seus executivos. Ao saudoso Dr.  Bernardino Vasconcelos,  à Dra.  Joana Lima,  e ao Prof. Sérgio Humberto,  o meu obrigado por terem ajudado a fazer da minha terra uma terra melhor para se viver.

Nuno Martins

Sou o Nuno, nasci no Porto em 1978 e sempre vivi em Alvarelhos. Poder dizer o que penso e não o que os outros querem que eu diga é para mim a maior conquista do 25 de Abril. Essa é a principal premissa deste espaço, por isso posso dizer também e com orgulho que a Trofa é minha!

Comentários

Deixar um comentário

Faça Login para comentar.